Conselhos Para Novos Programadores

Chegou mais um final de semana e mais um artigo para você ler ao invés de ficar assistindo novela, Zorra Total ou Faustão.

O artigo que deixo para vocês é uma lista de conselhos para programadores que estão em início de suas carreiras. Achei muito interessante pois nenhum deles menciona treinamento, coaching ou qualquer outra coisa que dependa de outra pessoa. Ser um bom programador depende somente de você!

Agora um comentário rápido sobre os 7 conselhos:

1. Resolva seus próprios problemas: Eu sei que o Google existe, mas que tal tentar resolver o problema você mesmo para aprender como se faz?

2. Pratique em pequenos problemas: Na falta de uma lista de pequenos programas, deixo um link com uma lista de 29 pequenos problemas, especialmente feito pelo Fábio Pagoti. Resolva todos eles!

3. Re-implemente software: Não precisa ser a SE80, mas que tal a SE16? E a SE16N? Que tal tentar reimplementar essas transações? Imagine quanto você não aprenderia?

4. Aprenda alguma coisa em cada projeto: Sabe como aprendi orientação a objetos? Não foi lendo livros ou alguém me ensinando. Foi aplicando em um projeto, mesmo sem ser solicitado. Então vamos supor que você esteja em uma Academia ABAP e que na última semana você tenha uma série de especificações funcionais para implementar, não pergunte se deve ser feito usando orientação a objetos. Faça!

5. Diga sim: isso até lembra aquele filme do Jim Carrey, mas com menos apelo auto-ajuda. Se alguém te pedir alguma coisa, faça. É uma ótima maneira de conseguir referências. Não peça recomendação no Linkein, conquiste-as!

6. Tenha amigos programadores: adorei essa! Tenho um amigo meu que conheço de longa data, em um ambiente totalmente não profissional. Outro dia começamos a conversar sobre programação. Paramos horas depois, com severas ameaças de nossas esposas a nossa integridade física. Se você não tem tesão por programação, as coisas tenderão a ficar mais difíceis para você.

7. Torne-se um especialista em uma área: Programadores ABAP já são especializados por natureza. Somos especializados em programas empresariais, salvo alguns casos de malucos que gostam de programar jogos no ABAP 😉 . Mesmo dentro do ABAP, procure se especializar em sub-áreas, como HR, CRM, Web Dynpro etc.

Agora os meus pontos:

8. Seja nerd: foi-se o tempo de que ser chamado de nerd era sinônimo de xingamento. Se alguém me chamar de nerd eu considero um elogio. O nerd gosta de se aprofundar nos assuntos que está estudando e programação é um deles. Eu não me limito a ABAP, gosto de aprender novas linguagens, tecnologias, frameworks etc. Hoje não faço isso com tanta frequência, pois gasto boa parte do meu tempo ensinando outros futuros ABAPeiros.

9. Aprenda uma nova linguagem por ano: ouvi esse conselho e tenho colhido bons frutos dele. Aprendendo outras linguagens te ajudará a implementar melhores programas e aplicar conceitos não comuns ao mundo SAP. Enfim, isso vai lhe ajudar a sair da caixa.

10. Ensine tudo o que você aprender: Tudo que você aprender não guarde para si. Você não é dono do conhecimento, tudo aquilo que você aprendeu passe para frente, seja ensinando, escrevendo dicas, blogs etc. Conhecimento não garante dinheiro no bolso, mas atitude sim.

11. Projetos open source: participe de um projeto open source e implemente melhorias ou correções frequentemente. Comece uma por mês, depois uma por semana. Isso lhe ajudará a adquirir experiência, além de aprender com outros programadores.

12. Estude, estude, estude: faz tempo que não escrevo isso aqui no ABAP101. Mas nunca pare de estudar. Seja com treinamentos, sites, projetos etc. O estudo é o único ativo que ninguém poderá tirar de você!

Tem alguma outra coisa que funcionou para você? Compartilhe!

You may also like...

18 Responses

  1. Concordo plenamento com o artigo, e preciso deixar registrado que a dica 9 deve ser seguida pela galera que gosta de programação. Aprender linguagens novas mantém a mente ativa e te dá uma visão completamente diferente de diversas coisas.

    Sair fora da caixa, de vez em quando, é essencial!

    Abraços!

  2. Haroldo says:

    Olá Flávio…
    O que gosto de fazer é pegar os meu códigos, ler, e fazer de outra maneira, reduzindo linhas e tempo de processamento.
    Alem disso, sempre que tenho a oportunidade de ler um código de outro programador, fico procurando falhas, erros e as coisas boas, pra eu usar depois…rsrsrs
    Antes de começar um programa, analiso o que preciso fazer e quais os recursos que tenho disponível na linguagem. Faço testes para ver qual devo usar, e só depois dou inicio…
    Bom, essas são algumas coisas de que me lembro…
    Abraços…

  3. Daniel Ribeiro says:

    Olá Flávio. Estou começando na área e gostei muito das dicas. Só fiquei com dúvida na nº 3. O que seria implementar a SE16?
    Abraços…

    • furlan says:

      Olá Daniel,

      Isso significa fazer um programa que seja igual a SE16, sem copiar, claro 😉

      Abraços!

  4. Claudinei says:

    Ola Boa Tarde Flavio.
    No conselho 2 você cita “deixo um link”, eu não encontrei este link vc pderia me passar ?

    Muito Obrigado.

    Abrass.

    Att.
    Claudinei de Oliveira dos Santos.

  5. Thiago Rocha says:

    Boa tarde Flávio, você recomendaria a E-academy Netweaver Abap Basics ?

    Obrigado

    Abraço!

  6. Silas says:

    Olá Flávio,
    Estou em uma encruzilhada na minha vida profissional e estou sem saber qual caminho tomar.
    Minha namorada começou a trabalhar como estagiária no SAP (MM) a um ano e meio atrás e desde então é como se eu também estivesse entrado nesse mundo do SAP. Comecei a achar muito interessante mas ainda não tinha pensado nisso pra mim, mas nas últimas semanas estou pensando muito em fazer uma academia e entrar de cabeça.
    O que está pesando em minha decisão definitiva é que eu ja tenho uma profissão, sou programador cnc a 11 anos e estou relativamente bem sucedido nessa profissão, mas eu estou sentindo que estou sem desafios já estou perto do topo do que o mercado pode oferecer. Como gosto de programar, sou autodidata e curioso, achei que me encaixaria muito bem no o perfil do Abap. Estou lendo e pesquisando muito sobre o assunto já tenho até alguns orçamentos de academias, inclusive da Ka solitions, e gostaria da opinião de um profissional da área. Como está o mercado, se está saturando, se ainda tem campo pra crescer, esse tipo de informação.

    Grande abraço!

    • furlan says:

      Sim, o mercado está muito bom e tem lugar ainda para crescimento. Desafios tem de monte e muitas oportunidades. A SAP é uma empresa de tecnologia e investe muito nisso. O que eu quero dizer é que desafios de aprendizado são diários e isso é muito motivador. Veja nosso exemplo, eu e o Fábio trabalhamos com ABAP, somos instrutores ABAP e nas horas vagas trabalhamos no ABAP101 com … ABAP!

      SAP é uma carreira muito boa e acho que vale muito a pena fazer uma academia. Os instrutores da KA Solution são muito bons (digo isso porque os conheço realmente), principalmente os de ABAP 😉

      Abraços!

  7. Vanessa says:

    Srs

    Não consegui acessar o link indicado no item 2….

    Grata

    • furlan says:

      Olá Vanessa,

      Estou acessando normalmente aqui. Trata-se de um arquivo .doc

      Não será algum problema no firewall?

  8. Vanessa says:

    Olá Furlan, consegui, eu tava fazendo “caquinha” heheh

    Os exercícios estão me ajudando nas funções que estou tendo que fazer aqui no meu trabalho….

    Grata pela atenção…..

  9. Daniel says:

    Ola Flavio.

    Estou pensando em fazer uma academia SAP ABAP na KSolutions, mas tenho algumas duvidas, pois não tenho muitos conhecimentos em programação
    Queria uma dica sua se posso iniciar o curso com poucos conhecimentos, ou fazer algum curso que você indica-se relacionado para ajudar no aprendizado, quando iniciar a academia SAP?

    Att.

    Daniel Duarte

    • Flávio Furlan says:

      O ritmo da academia ABAP é bem puxado. Experiência prévia em programação ajuda muito no entendimento. Não vejo nenhum curso preparatório para academia ABAP. Se você não tem nenhuma experiência em programação, creio que você terá pedalar muito durante a academia, estudando muito em casa, fora do horário de aula.

  10. Claudiio Boudakian says:

    Olá Flavio,

    Sou desenvolvedor de formação e atuo a 26 anos com desenvolvimento de softwares, estou me dedicando a aprender ABAP e me encontro com uma duvida.

    Tenho muita experiencia em bancos de dados tanto no que diz respeito ao acesso pelo sistema como tambem no projeto para atender aos diversos sistemas.

    Tenho buscado dicas de como obter conhecimento no vasto numero de tabelas do SAP pois as vagas sempre pedem conhecimento qual seria o caminho para conhecer as principais tabelas e os principais relacionamentos entre elas ?

    Consegui algumas imagens com pouquissimas tabelas e agradeceria muito se você ou alguem puder compartilhar uma dica comigo.

    Forte abraço e obrigado.

    • Fábio Pagoti says:

      Oi Claudio,

      Primeiramente, é um engano acreditar que as vagas de ABAP pedem conhecimento das tabelas. Saber procurar tabelas é básico para qualquer programador ABAP mas saber seus nomes é simplesmente decoreba e pouco agrega na hora de desenvolver.

      É muito facil achar uma tabela no sistema pois há várias maneiras de se fazê-lo.

      Para dar exemplos:
      Voce pode apertar F1 e depois no martelo em qualquer campo do sistema
      Voce pode usar as opcoes de busca da transação SE11
      Voce pode usar a opcao de sistemas de informacao na SE80
      Voce pode procurar por SELECTs diretamente num trecho de codigo

      Ainda falando da SE11, lá você consegue ver o relacionamento das tabelas de forma gráfica e via a coluna de check table para cada coluna.

      Espero ter ajudado,

      Abraços!

  11. Claudiio Boudakian says:

    Ajudou muito Fabio,

    Abraço e obrigado.