Programação Orientada a Stack Overflow

Se você é um programador minimamente informado, deve conhecer o Stack Overflow. Se você for um pouco mais informado, você deve saber toda a discussão sobre a “programação orientada a Stack Overflow”. O Thomas Fuchs deu seus 2 centavos para discussão sobre o assunto. Basicamente ele sugere que se continuarmos somente usando o Stack Overflow e não mais pensarmos nas soluções por nós mesmos, essa geração poderá perder a capacidade de pensar por si só. 

Eu uso muito o Google e a SCN, mas nunca me peguei procurando como fazer uma determinada lógica, mas procuro nele configurações exóticas ou problemas esdrúxulos, principalmente causados por problemas de ambiente. Fico lembrando na minha época de programação Clipper e com acesso à informação bem limitada, como eu conseguia fazer alguma coisa útil?

 

Meu primeiro livro de Clipper

  
No entanto, precisamos ser honestos. Comparativamente o que eu fazia com apenas esses dois livros, não se compara com a gurizada está fazendo com o Stack Overflow e Google. Sei que o Thomas Fuchs não está fazendo apologia à limitar a informação para que busquemos nossas próprias soluções, mas limitar a informação como maneira de nos forçar a pensar por sí mesmo não é uma saída. Parafraseando um velho dito popular “Google não deixa as pessoas burras, elas mesmas já são por natureza”. A informação é boa e quanto mais ela estiver acessível melhor. O que as pessoas fazem com ela é o que importa.
Não acho que o Google ou Stack Overflow irã corromper toda uma geração de programadores acostumados a pegar as soluções de mão-beijada na internet. Acredito muito que o profissional que sabe pensar por sí mesmo será sempre valorizado e o mercado saberá selecioná-lo.
  

Fico pensando se essa discussão de “programação orientada a Google” não é história de tiozão que ainda não entendeu os novos tempos e está começando a se assustar com a molecada adquirindo conhecimento de uma meneira que ele não entende? Será mesmo que descobrir sozinho como fazer um CRUD em SAPUI5 me fará um melhor programador do que aquele que viu um totorial no SCN? Sejamos sinceros, um CRUD não é nenhum bicho de sete-cabeças, por que eu não posso aprender isso com tutorial e gastar meu precioso tempo pensando daquele ponto em diante?

Eu não tenho uma opinião 100% fechada sobre isso. Deixe seus 2 centavos nos comentários. Você acha que Google, Stack Overflow e afins emburrecerão os profissionais no medio e longo prazo?

You may also like...

1 Response

  1. Haroldo says:

    Acho que depende do que você faz com as informações.
    Uso a internet apenas para achar uma função ou comando que não conheço. Uso e não tenho vergonha nenhuma.
    As vezes até encontro uma rotina já feita, mas apenas vejo como foi feito e o que foi usado.
    Acho que programar está além de um simples copiar, colar e mudar as variáveis. Está em você criar uma rotina, uma lógica, que por mais complexa que seja, se torne simples para o usuário.

    Pense:
    Se um dia você se achar um programador “fodão”, imagina quem criou a linguagem que você está usando….rsrsrs

    Abraços…